O mito da democracia racial: contexto histórico brasileiro e a construção do racismo no Brasil

Autores

  • João Paulo Santos Neves Universidad Columbia del Paraguay Secretaria de Estado da Educação de Mato Grosso Colégio Mãe da Divina Providência
  • Maria Aparecida Monteiro da Silva

DOI:

https://doi.org/10.15536/reducarmais.3.2019.158-166.1467

Palavras-chave:

Mito. Democracia racial. Movimentos. Preconceito.

Resumo

Neste trabalho, buscamos refletir sobre os conceitos de democracia racial e as influências que esta concepção traz para nosso dia a dia. Vivemos em uma sociedade que prega valores individuais e coletivos; entretanto, os individuais sobrepõem os coletivos quando as necessidades de cada um são apresentados primeiro. Historicamente construímos e ainda estamos em processo [e acredito que deveremos sempre estar] de conhecimento, reflexão, ressignificação e reestruturação do pensamento. Somos humanos, e essa é a beleza. O fato de sermos humanos nos faz frágeis em nossas próprias atitudes; e nessas fragilidades apontamos caminhos para melhorar. Ao longo das linhas convidamos você a remontar historicamente [uma parte] alguns fatos que materializam a tentativa de construir a noção de democracia racial; e ao final, provocamos a leitura da seção sobre a construção do mito.

Biografia do Autor

João Paulo Santos Neves, Universidad Columbia del Paraguay Secretaria de Estado da Educação de Mato Grosso Colégio Mãe da Divina Providência

Mestrando em Ciências da Educação - Universidad Colúmbia del Paraguay - PY. Especialista no Ensino de Química. Especialista em Docência do Ensino Superior. Especialista em Docência na Educação Infantil e Séries iniciais. Graduação em Química (Licenciatura). Graduação em Pedagogia. Professor Pedagogo na Secretaria de Estado da Educação/SEDUC - MT (atual). Professor de Química no Colégio Mãe da Divina Providência - Primavera do Leste/MT (atual). Professor de Química na Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte de Goiás (2014-2017). Professor na Secretaria Municipal de Educação e Esporte de Goiânia-GO (2016-2017). Professor do Curso Superior em Pedagogia da Fundação Antares de Pesquisa e Pós Graduação (FAESPE) - Goiânia/GO (2015-2018). Tem interesse pela na área de Química, com ênfase no Ensino de Química e Química Orgânica. Interesse nas temáticas que versam sobre educação para a complexidade, saberes complexos, políticas públicas educacionais e ensino interdisciplinar.

Maria Aparecida Monteiro da Silva

Doutora em Ciências da  Educação.

Downloads

Publicado

2019-07-28

Como Citar

Neves, J. P. S., & Silva, M. A. M. da. (2019). O mito da democracia racial: contexto histórico brasileiro e a construção do racismo no Brasil. Revista Educar Mais, 3(2), 158-166. https://doi.org/10.15536/reducarmais.3.2019.158-166.1467

Edição

Seção

Artigos