Institutos Federais: a produção intelectual dos técnico-administrativos em educação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15536/reducarmais.5.2021.2600

Palavras-chave:

Educação Profissional e Tecnológica, Institutos Federais, Técnico-Administrativos em Educação, Ebook GPTAE

Resumo

Este artigo é produto de caminho metodológico da pesquisa de mestrado realizando no âmbito do ProfEPT/Polo Blumenau acerca da percepção dos Técnico-Administrativos em Educação(TAEs) sobre a concepção pedagógica do IFC. A estrutura teórica é a que busca captar o movimento real do objeto por meio das determinações ocultas na aparência revelada pelo mundo sensível. A busca por tais determinações nos exigiu averiguar o estado da arte da produção intelectual dessa categoria lotada nos IFs, principalmente sobre ensino, pesquisa e extensão. Para isso nos debruçamos sobre os números da coletânea “Gestão Pública: a visão dos Técnicos Administrativos em Educação das Universidades Públicas e Institutos Federais”, edições de 2014 a 2020. Constatamos diversidade de temas publicados, porém, poucas publicações sobre ensino, pesquisa e extensão, o que pode demonstrar que esse profissional ainda é descaracterizado da função de educador ou/e o próprio trabalhador não se reconhece como tal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maysa Eichner da Silva Bazana, Instituto Federal Catarinense - IFC

Graduada no Curso Superior de Tecnologia em Gestão Pública pelo Instituto Federal Farroupilha (2014). Especialista em Gestão Pública na Educação Profissional e Tecnológica pelo Instituto Federal de Santa Catarina(2019). Atualmente Técnica-Administrativa em Educação no Instituto Federal Catarinense e Mestranda do Curso de Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT) ofertado em rede nacional.

Cloves Alexandre de Castro, Instituto Federal Catarinense

Professor de Geografia do Instituto Federal Catarinense, campus Blumenau. Licenciado, Bacharel e Mestre em Geografia pela UNESP-Presidente Prudente. Doutor em Geografia pela UNICAMP e Pós-Doutorado em Geografia Humana pela USP. Tem se dedicado ao estudo de movimentos sociais; Estado e burguesia no Brasil; trabalho; Educação Profissional e o trabalho como princípio educativo. É credenciado ao Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional Tecnológica - ProfEPT-Polo /Blumenau.

Michel Goulart da Silva

Doutor em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Realiza estágio pós-doutoral no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Técnico em Assuntos Educacionais do Instituto Federal Catarinense (IFC). Possui graduação e mestrado em História pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Contemporâneo, atuando principalmente nos seguintes temas: ditadura no Brasil, modernização, marxismo e cultura política.

Referências

ASSIS, Wanderlice da Silva et al (org.). Gestão pública [e-book]: a visão dos técnicos administrativos em educação das universidades públicas e institutos federais. 6. ed. Bauru: Gradus, 2019. 323 p. Disponível em: https://bit.ly/3pPrNTE. Acesso em: 17 fev. 2021.

ASSIS, Wanderlice da Silva et al (org.). Gestão pública: a visão dos técnicos administrativos em educação das universidades públicas e institutos federais. 7. ed. Campo Grande: Oeste, 2020. Disponível em: https://bit.ly/3aJjep8. Acesso em: 17 fev. 2021.

BRASIL. Decreto nº 2.208, de 17 de abril de 1997. Regulamenta o § 2 º do art. 36 e os arts. 39 a 42 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, Disponível em: https://bit.ly/3pNLPxM. Acesso em: 15 jan. 2020.

BRASIL. Decreto nº 5.824, de 29 de junho de 2006. Estabelece os procedimentos para a concessão do Incentivo à Qualificação e para a efetivação do enquadramento por nível de capacitação dos servidores integrantes do Plano de Carreira dos Cargos Técnico-Administrativos em Educação, instituído pela Lei no 11.091, de 12 de janeiro de 2005. Brasília, Disponível em: https://bit.ly/37FZkcP. Acesso em: 15 jan. 2020.

BRASIL. LEI Nº 11.091, DE 12 DE JANEIRO DE 2005. Dispõe sobre a estruturação do Plano de Carreira dos Cargos Técnico-Administrativos em Educação, no âmbito das Instituições Federais de Ensino vinculadas ao Ministério da Educação, e dá outras providências. Brasília, Disponível em: https://bit.ly/2P4vPel. Acesso em: 18 nov. 2019.

BRASIL. Lei nº 11.892, de 29 de dezembro de 2008. Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, e dá outras providências. Brasília, Disponível em: https://bit.ly/2ZHv3G3. Acesso em: 05 out. 2019.

BRASIL. LEI Nº 8.112, DE 11 DE DEZEMBRO DE 1990. Dispõe sobre o regime jurídico dos servidores públicos civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais. Brasília, Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8112cons.htm. Acesso em: 18 nov. 2019.

CABRAL, Bruno Rodrigues et al (org.). Gestão pública: a visão dos técnicos administrativos em educação das universidades públicas e institutos federais. 5. ed. São Carlos: Pedro & João, 2018. Disponível em: https://bit.ly/3bB7pAy. Acesso em: 17 fev. 2021.

CHAVES, Elisângela André de Oliveira et al (org.). Gestão pública: a visão dos técnicos administrativos em Educação das Universidades Públicas e Institutos Federais. 2. ed. Salvador: Pontocom, 2015. Disponível em: https://bit.ly/3dDJjI8. Acesso em: 16 fev. 2021.

CICHACZEWSKI, João Carlos. UMA HISTÓRIA POR FAZER-SE: o sentido da formação profissional nos IFs. Blumenau: Produto Educacional (Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica), 2020. 87 p. Disponível em: https://bit.ly/3shO7XO. Acesso em: 20 jul. 2020.

FRIGOTTO, Gaudêncio (org.). Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia: relação com o ensino médio integrado e o projeto societário de desenvolvimento. Rio de janeiro: UERJ, LPP, 2018. 320 p. Disponível em: https://bit.ly/3qQmIMf. Acesso em: 17 out. 2019.

FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise. A gênese do Decreto n. 5.154/2004 um debate no contexto controverso da democracia restrita. maio/junho. 2006. Disponível em: https://bit.ly/2NX4Row. Acesso em: 17 out. 2019

FRIGOTTO, Gaudêncio. A relação da educação profissional e tecnológica com a universalização da educação básica. Educ. Soc., Campinas, v. 28, n. 100, p. 1129-1152, Oct. 2007. Disponível em: https://bit.ly/3ujTAzf. Acesso em: 19 out. 2020.

GPTAE, Gestão Pública: A Visão dos Técnicos Administrativos em Educação das Universidades Públicas e Institutos Federais (org.). Missão, objetivos, valores e visão. Disponível em: https://bit.ly/3bvpRuB. Acesso em: 08 fev. 2021.

GPTAE, Gestão Pública: A Visão dos Técnicos Administrativos em Educação das Universidades Públicas e Institutos Federais. COMUNICADO Nº 6, DE 08 DE JUNHO DE 2020. Disponível em: https://bit.ly/3aJ3R02. Acesso em: 19 fev. 2021.

MAGALHÃES, Caroline Stéphanie Campos Arimateia. TRABALHO EDUCATIVO DO TÉCNICO-ADMINISTRATIVO DO IFRN/CNAT: CONSENSOS E DISSENSOS. 2016. 173 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional (Ppgep), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Natal, 2016. Disponível em: https://bit.ly/3sxA8NR. Acesso em: 14 fev. 2020.

MOURA, Dante Henrique; MAGALHÃES, Caroline Stephanie Campos Arimateia; MAGALHÃES, Ricardo Rodrigues. PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO NO PNE 2014-2024: acomodação ou conflito de interesses. Anais do III Colóquio Nacional | Eixo Temático I – Políticas em Educação Profissional, Natal, 2015. Disponível em: hhttps://bit.ly/3qMbXuz. Acesso em: 14 fev. 2020.

PACHECO, Eliezer. Fundamentos Político-Pedagógicos dos Institutos Federais: diretrizes para uma educação profissional e tecnológica transformadora. Natal: IFRN, 2015. Disponível em: https://bit.ly/3dF8nyo. Acesso em: 20 fev. 2020.

RIMÁ, Jacqueline de Castro et al (org.). Gestão pública: a visão dos técnicos administrativos em educação das Universidades Públicas e Institutos Federais. 3. ed. São Carlos: Pedro e João Editores, 2016. Disponível em: https://bit.ly/3aNMs6x. Acesso em: 16 fev. 2021.

SANTOS, Adelmária Ione dos (org.). A gestão pública na visão dos técnicos administrativos em educação das Universidades Públicas e Institutos Federais. São Paulo: Digitalbooks, 2014. Disponível em: https://bit.ly/3khqrQz. Acesso em: 16 fev. 2021.

SANTOS, Geovane Santana dos et al (org.). Gestão pública: a visão dos técnicos administrativos em educação das universidades públicas e institutos federais. 4. ed. São Carlos: Pedro & João, 2017. Disponível em: https://bit.ly/3pSM9M4. Acesso em: 17 fev. 2021.

Downloads

Publicado

2021-09-15

Como Citar

Eichner da Silva Bazana, M., Alexandre de Castro, C., & Goulart da Silva, M. (2021). Institutos Federais: a produção intelectual dos técnico-administrativos em educação. Revista Educar Mais, 5(5), 1171-1182. https://doi.org/10.15536/reducarmais.5.2021.2600

Edição

Seção

Artigos