MOVIMENTO EM AÇÃO

Autores

  • Leandro Vieira Corrêa
  • Ana Paula Silva Machado
  • Maria Rita Petry Costa

DOI:

https://doi.org/10.15536/reducarmais.0.2015.%25p.722

Resumo

O presente trabalho emerge da percepção dos alunos e alunas, da turma de EJA T7, da E. E. E. M. Engenheiro Frederico Horta Barbosa de Minas do Leão – RS, da relação existente entre os conteúdos de diferentes disciplinas. A relação do conteúdo da disciplina de Física sobre movimento, mais especificamente MRU (movimento retilíneo uniforme), com o movimento realizado nas aulas práticas de Educação Física, nas quais eram executadas caminhadas, como proposta de exercício aeróbico, para fortalecimento do coração. Além de estabelecerem relação com a batida do coração em atividade realizada nas disciplinas de Literatura e Arte, com a utilização de poema e a expressão deste através do movimento corporal. A partir dai surge a possibilidade de contextualização e aproximação da realidade dos conceitos abordados pelas diferentes disciplinas, com a oportunidade de aplicação prática, explorando outros métodos de aprendizagem. Portanto este trabalho tem como objetivo facilitar, através da interdisciplinaridade, a aprendizagem dos alunos e alunas envolvidas, através de atividades práticas e vivências ligadas ao movimento. Justifica-se à medida que busca garantir o conhecimento que é um direito do aluno. Acredita-se que este método terá êxito. A coleta de dados se deu através do preenchimento de uma planilha de dados, constituída a partir da prática da caminhada e a percepção de quais informações eram necessária para aplicar nas fórmulas físicas trabalhadas em aulas teóricas. Os alunos e alunas verificavam a frequência cardíaca inicial manualmente, alongavam e percorriam percursos caminhando. Concomitantemente à caminhada anotavam os dados para realizar os cálculos na disciplina de Física. A pulsação do coração pode ser percebida em atividade proposta na disciplina de Literatura e Arte. As anotações foram realizadas em cinco momentos, com variação do percurso. Ainda foi percebida a peculiaridade na variação da frequência cardíaca e velocidade individual, associadas a questões pessoais, como por exemplo, problemas respiratórios. Concluiu-se como era esperada a facilitação na aprendizagem através dessa prática.

Downloads

Publicado

2017-08-06

Como Citar

Corrêa, L. V., Machado, A. P. S., & Costa, M. R. P. (2017). MOVIMENTO EM AÇÃO. Revista Educar Mais, (1). https://doi.org/10.15536/reducarmais.0.2015.%p.722

Edição

Seção

Artigos