A FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS: AS PERCEPÇÕES DE UMA PROFESSORA EM UMA ESCOLA DO CAMPO

Autores

  • Cleberton Luis Piotrowski
  • Renata Portugal Oliveira
  • Moisés Marques Prsybyciem
  • Sinara Munchen

DOI:

https://doi.org/10.15536/reducarmais.1.2016.%25p.502

Resumo

O presente artigo teve por objetivo estudar as percepções de um professor de ciências sobre sua formação inicial e a construção do currículo em uma escola do campo. Na pretensão de estudar a educação do campo, o currículo e demais atividades o currículo escolar no contexto da escola, seja no período de formação do professor quando na escola onde ele é regente. A partir de uma pesquisa qualitativa se apresenta o relato de um professor de ciências em uma escola do campo, que em meio ao processo formativo se vê limitado e ao mesmo tempo motivado com as poucas oportunidades que teve e tem de colocar em prática uma proposta educativa que parte da realidade escolar, isto é, da realidade do aluno e do contexto no qual ele está inserido e o leve a autocompreender a sua realidade de forma concreta e a projetar-se no mundo enquanto sujeito protagonista de sua história.

Downloads

Publicado

2017-05-24

Como Citar

Piotrowski, C. L., Oliveira, R. P., Prsybyciem, M. M., & Munchen, S. (2017). A FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS: AS PERCEPÇÕES DE UMA PROFESSORA EM UMA ESCOLA DO CAMPO. Revista Educar Mais, 1(1). https://doi.org/10.15536/reducarmais.1.2016.%p.502

Edição

Seção

Artigos