ESTE MAR É MEU

Autores

  • Mara Zeli Borges Pereira
  • Janaina da Silva
  • Roberta Nascimento e Silva

DOI:

https://doi.org/10.15536/reducarmais.0.2014.%25p.680

Resumo

A investigação a cerca dos pescadores artesanais do litoral Médio - Palmares do Sul, distrito de Quintão; os cuidados com a preservação das espécies favorecem a sensibilização dos atores sociais (pescadores) com o futuro. Este estudo tem como objetivo relacionar as espécies de peixes marinhos, o seu consumo, bem como sua relação com o meio. A investigação durante o desenvolvimento deste projeto sobre os tipos de pesca, malhas de rede, o cuidado com o pescador, fonte de renda, a fiscalização da pesca, estímulo ao artesanato com escamas de peixes, a reutilização de resíduos da pesca como forma de preservação ambiental, a investigação da qualidade da água do mar em Quintão, distrito do município de Palmares do Sul, a influência direta na produtividade e preservação da fauna marinha com a qualidade da água e incidência direta de raios solares (águas claras e ou turvas do mar), impacto da prática de esportes náuticos no habitat marinho, evidências das mudanças das correntes marinhas a partir descongelamento das geleiras, despoluição marinha (específica de plásticos) as práticas utilizadas atualmente e as mais variadas formas utilizadas na culinária com frutos do mar. É o início de uma grande caminhada, um desafio para a preservação da espécie humana pelo ponto de vista do mar como fonte de alimento respeitando a sustentabilidade e a sua forma de utilização.

Downloads

Publicado

2017-08-06

Como Citar

Pereira, M. Z. B., da Silva, J., & e Silva, R. N. (2017). ESTE MAR É MEU. Revista Educar Mais, (1). https://doi.org/10.15536/reducarmais.0.2014.%p.680

Edição

Seção

Artigos