Reaproveitamento de Alimentos: Compostagem

Autores

  • Carmem Gonçalves

DOI:

https://doi.org/10.15536/reducarmais.0.2012.%25p.653

Resumo

O presente trabalho trata do reaproveitamento integral dos alimentos. Ele
corresponde a uma experiência de um projeto realizado com os dezesseis
alunos do Jardim B da Escola Municipal da Educação Infantil Favo de Mel,
situada na Vila Nova Livramento, na periferia da cidade de Santana do
Livramento, no Rio Grande do Sul. Com ações educativas pedagógicas foram organizadas uma série de atividades sobre o aproveitamento de resíduos extraídos da cozinha da escola. O objetivo é mostrar como construir os saberes e conhecimentos dos alunos, através da observação direta, do diálogo e da prática culinária, além da construção de uma compoteira caseira, comprovando assim que tudo é reutilizável para nossa vida e para o planeta. Procurou-se diminuir o custo e evitar o desperdício exagerado desses alimentos. A metodologia do trabalho envolveu instrumentos de pesquisa e ação integrando alunos, professores e comunidade em geral. Foram selecionadas receitas, organizadas palestras, passeios, cartazes e filmes para a realização das atividades. Os resultados experimentais mostraram que houve uma assimilação das atividades e uma multiplicação na comunidade em geral, tanto
interna como externamente. Com essa prática interdisciplinar resultaram novos valores de forma a ampliar os caminhos da conscientização para a questão dos resíduos descartados na cozinha da escola, onde muitas vezes foram desperdiçados no momento da preparação das refeições diárias das crianças.

Downloads

Publicado

2012-08-04

Como Citar

Gonçalves, C. (2012). Reaproveitamento de Alimentos: Compostagem. Revista Educar Mais, (1). https://doi.org/10.15536/reducarmais.0.2012.%p.653

Edição

Seção

Artigos