Ensino de Eletromagnetismo

uma proposta didática baseada na modalidade de Rotação por Estações no Ensino Médio

Autores

  • Karen Anderson Araujo Batista Instituto Federal Fluminense - IFF, Niterói/RJ - Brasil
  • Renata Lacerda Caldas Instituto Federal Fluminense - IFF, NIterói/RJ - Brasil

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V22.2023.316-327.3002

Palavras-chave:

eletromagnetismo, rotação por estações, Ensino Híbrido, Aprendizagem Significativa Crítica

Resumo

O estudo do Eletromagnetismo exige um grau de abstração para a compreensão de alguns conceitos, como a capacidade de interpretar a linguagem própria da Física repleta de signos específicos e sistematizar esses símbolos em operações de cálculo ou em explicações conceituais. A dificuldade de visualização geralmente motiva certo desinteresse de grande parte dos alunos. Entretanto, o interesse discente em aprender é um dos fatores para uma aprendizagem significativa, bem como para uma formação mais crítica. Nesse contexto, é importante que se criem condições para instigar a curiosidade dos estudantes, buscando novos caminhos que estimulem a elaboração de hipóteses, a pesquisa, a solução de problemas contextualizados dentro e fora do ambiente escolar. Neste trabalho, é apresentada uma proposta didática baseada no modelo híbrido Rotação por Estações para o ensino de conceitos de Eletromagnetismo em aulas de Física, para fins de facilitação da aprendizagem. Tal proposta desenvolve-se em oito encontros com dois tempos de aula cada, tendo como público-alvo alunos da terceira série do Ensino Médio. Espera-se que seja um instrumento que colabore com a prática docente para o desenvolvimento de aulas diferenciadas, com a utilização de tecnologia, experimentos, entre outros recursos didáticos e que possibilite uma participação ativa e crítica dos alunos com autonomia no processo de aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karen Anderson Araujo Batista, Instituto Federal Fluminense - IFF, Niterói/RJ - Brasil

Licenciada em Ciências da Natureza - Ciências e Física no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense, Campus Campos - Centro. Mestranda em Ensino de Física no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense, Campus Campos - Centro.

Renata Lacerda Caldas, Instituto Federal Fluminense - IFF, NIterói/RJ - Brasil

Possui graduação em Licenciatura Em Física pela Universidade de Brasília (1997), Mestrado em Ensino de Ciências pela Universidade de Brasília (2007) e doutorado em Ciências Naturais pela Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (2011). Atualmente é professora efetiva do Instituto Federal Fluminense (IFF). Tem experiência na área de Física Geral, com ênfase em Ensino de Física, atuando principalmente nos seguintes temas: utilização de estratégias de ensino e avaliação da aprendizagem, aprendizagem significativa em física, interdisciplinaridade em ciências naturais, formação de professores. Atualmente coordena a área de Ciências da Natureza no Laboratório Interdisciplinar de Formação de Educadores (LIFE) e o Subprojeto de Física do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), ambos no IFF. Desde 2014,2 coordena o polo 34/IFFluminense do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física (MNPEF) da SBF/CAPES.

Downloads

Publicado

2023-06-26

Como Citar

BATISTA, K. A. A.; CALDAS, R. L. Ensino de Eletromagnetismo: uma proposta didática baseada na modalidade de Rotação por Estações no Ensino Médio. Revista Thema, Pelotas, v. 22, n. 1, p. 316–327, 2023. DOI: 10.15536/thema.V22.2023.316-327.3002. Disponível em: https://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/thema/article/view/3002. Acesso em: 5 mar. 2024.

Edição

Seção

Ciências Humanas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)