A temática ambiental e o ensino de física

uma estratégia didática possível através do sensoriamento remoto

Autores

  • Francineide Amorim Costa Santos Universidade Federal do Cariri
  • Neusa Teresinha Massoni
  • Claudio Rejane da Silva Dantas
  • Rochelande Felipe Rodrigues

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V21.2022.236-256.2445

Resumo

Este trabalho propõe a abordagem da temática ambiental na educação básica a partir de conteúdos da física, utilizando dados provenientes de sensoriamento remoto (SR). Inicialmente, fazemos uma articulação da legislação brasileira sobre educação ambiental com a literatura, em periódicos, referente à pesquisa em ensino de física e sua relação com a educação ambiental. Na sequência, apresentamos algumas situações que poderiam ser abordadas em sala de aula utilizando imagens de satélite. Posteriormente, são abordados alguns princípios físicos do SR, destacando o papel da radiação solar e terrestre e o registro dessa radiação pelos sensores. Apresentamos, então, alguns resultados estimados a partir de dados de SR para Temperatura da superfície (Ts), Radiação terrestre (radiação de onda longa - ROL) e Índice de Vegetação por Diferença Normalizada (NDVI) para diferentes localidades. Os resultados demonstram a importância da preservação da vegetação para a manutenção de temperaturas mais amenas. A proposta permite articular aspectos da temática ambiental ao ensino de física, estendendo aspectos do conteúdo científico a fenômenos socioambientais para além da sala de aula, possibilitando relacionar o currículo de física com o contexto local em que vivem os estudantes.

Palavras-chave: Educação ambiental; ensino de física; sensoriamento remoto; temperatura da superfície terrestre; vegetação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-04-07

Como Citar

AMORIM COSTA SANTOS, F.; MASSONI , N. T. .; REJANE DA SILVA DANTAS, C. . .; FELIPE RODRIGUES , R. . A temática ambiental e o ensino de física: uma estratégia didática possível através do sensoriamento remoto. Revista Thema, Pelotas, v. 21, n. 1, p. 236–256, 2022. DOI: 10.15536/thema.V21.2022.236-256.2445. Disponível em: https://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/thema/article/view/2445. Acesso em: 23 maio. 2024.

Edição

Seção

Ciências Exatas e da Terra

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)