A aprendizagem da gramática em sala de aula de língua estrangeira na perspectiva de professores de inglês em serviço e pré-serviço

Ana Paula de Araujo Cunha, Élen Susana Inácio Borges

Resumo


Esta pesquisa compreende uma investigação qualitativa, cujo foco precípuo é identificar e analisar as perspectivas de professores de inglês como língua estrangeira (LE) em serviço e em pré-serviço acerca de aspectos pertinentes ao ensino-aprendizagem da gramática em contexto de sala de aula, sobretudo no que se refere a abordagens tradicionais de foco isolado nas formas e a proposta de uma abordagem que se configura em um foco dual forma/sentido na interação comunicativa. Os dados que constituem o corpus de análise do estudo são oriundos de questionários e entrevistas estruturados de tal modo a propiciarem a elicitação da visão de professores e graduandos de Letras – Habilitação em Inglês, de duas Universidades da cidade de Pelotas (uma pública e outra privada), concernentes a tópicos como o significado de saber uma língua estrangeira, a pertinência e as formas de abordar a gramática dessa língua. Os dados coletados são analisados à luz de teoria veiculada em importantes estudos apontados pela literatura da área de Aquisição de Segunda Língua cujo escopo abrange temáticas como instrução focada na forma e no sentido, competência lingüística e interação.


Palavras-chave


foco, forma, ensino/aprendizagem, línguas

Texto completo:

PDF


Revista Thema.

Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Sul-rio-grandense. Pelotas, RS, Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref          

  Logotipo do Latindex