As ambiguidades discursas do ex-Presidente Fernando Henrique Cardoso (1995-2003). Os limites e possibilidades da agenda racial

Autores

  • Fernanda Barros Santos Universidade Federal do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.13.2016.103-117.376

Palavras-chave:

Fundação Palmares, racismo, Brasil.

Resumo

Este artigo objetiva analisar os discursos do Presidente Fernando Henrique Cardoso (1995-2003) com vistas a descortinar a aproximação, à época, entre o líder político e a leitura democrática das relações entre negros e brancos no Brasil. Perspectiva esta suscitada no ensaio “Casa-grande&Senzala” (1933) de Gilberto Freyre (1900-1987).  Cabe explicitar que pertinência da análise discursiva do ex-Presidente da República recai sobre as ambiguidades discursivas, cujas mesmas retratam o processo de ruptura e continuidade das iniquidades sociais gestadas sob o signo da “raça”. O  corpus documental do artigo discorre sobre as seguintes preleções: “Assinatura do Decreto que cria o Grupo de Trabalho Interministerial para Valorização da População Negra, Seminário Internacional Multiculturalismo e Racismo: o papel da ação afirmativa nos estados democráticos contemporâneos e Dia Nacional de Valorização da Consciência Negra” (1996). Para metodologia, a pesquisa adota a teoria de Michael Foucault (1926-1984) concernente à obra “A Ordem do Discurso”  (1996). Tendo em vista que nesta o sociólogo analisa que “em toda sociedade a produção do discurso é ao mesmo tempo controlada, selecionada, organizada e redistribuída por certo número de procedimentos que têm por função conjurar seus poderes e perigos, dominar seu caminho aleatório, esquivar sua pesada e temível materialidade” (FOUCAULT, 1966, p.9)

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Barros Santos, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Professora Substituta da Universidade Federal do Rio de Janeiro, vinculada ao Centro de Filosofia e Ciências Humanas (NEPP-DH). Doutoranda em Ciência Política pela Universidade Federal Fluminense (UFF).

Downloads

Publicado

2016-11-11

Como Citar

Santos, F. B. (2016). As ambiguidades discursas do ex-Presidente Fernando Henrique Cardoso (1995-2003). Os limites e possibilidades da agenda racial. Revista Thema, 13(3), 103-117. https://doi.org/10.15536/thema.13.2016.103-117.376

Edição

Seção

Ciências Humanas