Universos semânticos sobre competências para promoção da saúde atribuídos por formandos de pós-graduação

Autores

  • Maria Rosilene Cândido Moreira Programa de Pós-graduação em Saúde da Família - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri, Crato/CE – Brasil
  • Leilane Andrade Albuquerque Alencar Programa de Pós-graduação em Saúde da Fam´lia - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri
  • José Ferreira Lima Júnior Centro de Formação de Professores, Escola Técnica de Saúde de Cajazeiras, Universidade Federal de Campina Grande
  • Milena Silva Costa Programa de Pós-graduação em Saúde da Família - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri
  • Evanira Rodrigues Maia Programa de Pós-graduação em Saúde da Família - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri
  • Estelita Lima Cândido Programa de Pós-graduação em Saúde da Família - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V22.2023.712-725.3267

Palavras-chave:

competência profissional, promoção da saúde, educação de pós-graduação, saúde coletiva, estratégia saúde da família

Resumo

A pós-graduação em Saúde Coletiva investe na força de trabalho do SUS, visando contribuir para a promoção da saúde da população. Objetivou-se descrever os significados atribuídos por pós-graduandos sobre Competências em Promoção da Saúde. Estudo de natureza descritiva com abordagem quantitativa, com 34 estudantes dos cursos de Residência Multiprofissional em Saúde Coletiva (RMSC) e Mestrado Profissional em Saúde da Família (MPSF) no Ceará. Utilizou-se a Técnica de Associação Livre de Palavras com o termo indutor “Competências para Promoção da Saúde”. Análises prototípica (AP) e de similitude (AS) das evocações foram discutidas à luz da matriz de Competências Essenciais para Promoção da Saúde no contexto brasileiro (CompEPS). Os termos ‘conhecimento’ e ‘habilidade’ foram evidenciados com elevada frequência na AP, compondo o núcleo central de ambos os cursos e, na AS, os termos “cuidado”, “promoção” e “prevenção” foram destaque no MPSF, enquanto “humanização” e “ética” destacaram-se na RMSC. Assim, os significados atribuídos pelos pós-graduandos ora ampliaram ora se distanciaram da CompEPS, implicando compreensões dissonantes e requerendo melhorias na formação pós-graduada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Rosilene Cândido Moreira, Programa de Pós-graduação em Saúde da Família - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri, Crato/CE – Brasil

Possui graduação em Enfermagem pela Universidade Estadual do Ceará (1998), especialização em Saúde da Família, Saúde Coletiva e Educação em Enfermagem, Mestrado em Saúde Coletiva pelo Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva da Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP (2010) e Doutorado em Biotecnologia pela RENORBIO/UFPB (2013). Professora Adjunta da Universidade Federal do Cariri (UFCA) e docente permanente do Programa de Pós-graduação Mestrado Profissional em Saúde da Família - RENASF (nucleadora URCA). Tem experiência na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Saúde da Família e Saúde do Trabalhador. Realiza pesquisas sobre as terapias integrativas e complementares na prevenção e tratamento de problemas osteomusculares relacionados ao trabalho; desenvolve estudos sobre promoção da saúde, saúde do trabalhador, literacia para a saúde, qualidade de vida e sustentabilidade.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7476207605884853

Leilane Andrade Albuquerque Alencar, Programa de Pós-graduação em Saúde da Fam´lia - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri

Graduação em Enfermagem pela Universidade Regional do Cariri - URCA (2013.1). Pós-graduação em Saúde da Família e em Enfermagem do Trabalho pela Faculdade Integrada de Patos - FIP. Mestranda em Saúde da Família pela Rede Nordeste de Formação em Saúde da Família RENASF/URCA. Enfermeira na Estratégia Saúde da Família pela Prefeitura Municipal de Altaneira-CE (atual), através de concurso público.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/9352600706715180

José Ferreira Lima Júnior, Centro de Formação de Professores, Escola Técnica de Saúde de Cajazeiras, Universidade Federal de Campina Grande

O professor possui graduação em Odontologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) (2003); título de especialista em Saúde Coletiva pelo Conselho Federal de Odontologia (2006); especialista em Formação de Professores para o Ensino Superior (2008); mestrado em Odontologia Preventiva e Social pela UFRN (2005) e doutorado em Biotecnologia em Saúde pela Universidade Federal da Paraíba - UFPB (2012). É docente da Escola de Saúde da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), tendo sido concursado para a área de Saúde Coletiva e concluiu estágio Pós-Doutoral junto ao Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Regional Sustentável (PRODER) da Universidade Federal do Cariri (UFCA) em 2016. Atua nos temas: saúde da família, saúde coletiva, promoção da saúde, saúde bucal coletiva.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2482708931624404

Milena Silva Costa, Programa de Pós-graduação em Saúde da Família - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri

Bacharel em Enfermagem pela Universidade de Fortaleza-Unifor (2003). Pós-doutorado pelo Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Regional do Cariri (URCA). Doutorado em Enfermagem pelo Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal da Paraíba - UFPB - Área de Concentração: Cuidado em Enfermagem e Saúde (2016). Mestrado em Saúde Coletiva pela Universidade de Fortaleza - Unifor. Especialista em Administração Hospitalar e Sistemas de Saúde pela Universidade Regional do Cariri - URCA (2005). Professora do Curso de Medicina da Universidade Federal do Cariri. Tem experiência na área de Saúde Coletiva, com atuação na docência e na comunidade.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/8802227225030193

Evanira Rodrigues Maia, Programa de Pós-graduação em Saúde da Família - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri

Possui graduação em Enfermagem pela Universidade Federal do Ceará (1996), mestrado em Sociologia pela Universidade Federal do Ceará (2002) e Doutorado e Pós-Doutorado em enfermagem pela Universidade Federal do Ceará (2011:2017). Atualmente é professora associada dos cursos de medicina da Universidade Federal do Cariri e da Universidade Regional do Cariri. Docente Permanente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem (URCA) e Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família RENASF. Tem experiência na área de Enfermagem e educação médica com ênfase em Saúde Coletiva, atuando principalmente nos seguintes temas: saúde coletiva, enfermagem, educação em saúde, epidemiologia, saúde da família e diagnóstico de saúde.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/8560595563251523

Estelita Lima Cândido, Programa de Pós-graduação em Saúde da Família - Rede Nordeste de Saúde da Família (Renasf). Nucleadora Universidade Regional do Cariri

Graduada em CIÊNCIAS BIOLÓGICAS, com Especialização em ECOLOGIA, Mestrado em SAÚDE PÚBLICA, Doutorado em BIOTECNOLOGIA e Pós-Doutorado em CIÊNCIAS DA SAÚDE. É professora da Universidade Federal do Cariri, onde atua como docente permanente da graduação e dos cursos de Pós-graduação: Mestrado em Desenvolvimento Regional Sustentável (PRODER) e Mestrado em Ciências da Saúde. É docente permanente do mestrado em Saúde da Família da Rede Nordeste de Formação em Saúde da Família (RENASF). Lidera o Núcleo de desenvolvimento e aplicação de estratégias para o combate a doenças e agravos das coletividades humanas. Tem pesquisas desenvolvidas nas linhas: Estado, Saúde e Sociedade, Doenças infecciosas, Educação em Saúde, Epidemiologia, arboviroses e controle do Aedes aegypti.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0680341824918868

Downloads

Publicado

2023-11-24

Como Citar

MOREIRA, M. R. C.; ALENCAR, L. A. A.; LIMA JÚNIOR, J. F.; COSTA, M. S.; MAIA, E. R.; CÂNDIDO, E. L. Universos semânticos sobre competências para promoção da saúde atribuídos por formandos de pós-graduação. Revista Thema, Pelotas, v. 22, n. 3, p. 712–725, 2023. DOI: 10.15536/thema.V22.2023.712-725.3267. Disponível em: https://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/thema/article/view/3267. Acesso em: 25 fev. 2024.

Edição

Seção

Ciências da Saúde