Análise espacial da queima das folhas (Alternaria dauci) em genótipos de cenoura

Autores

  • Leandro Luiz Marcuzzo Instituto Federal Catarinense - IFC/Campus Rio do Sul
  • Vandréia Ricobom Teixeira

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V17.2020.726-730.1329

Resumo

A ocorrência de doenças é considerada como um fator limitante para a produção de cenoura com destaque para a queima das folhas, causada por Alternaria dauci. Como se conhece parcialmente o comportamento epidemiológico espacial da doença, esse trabalho teve como objetivo analisar a epidemiologia espacial da doença em sete genótipos de cenoura: Alvorada calibrada média; Brasília; Brazlândia, Flakee; Nantes; Nantes Express e Suprema calibrada média. Cada repetição consistiu em canteiro com 1,5x1,0 m, onde foram analisadas 40 plantas nas duas linhas centrais de cada repetição. Foi utilizado os testes de run e doublet e seus resultados analisados pelo valor (±1,64) estandardizado no teste de Z a 5% de probabilidade. Constatou-se que os genótipos Alvorada e Flakee tiveram o padrão espacial ao acaso e o genótipo Brasília apresentou 50% agregado. Suprema apresentou 100% agregado em doublet e 50% em run enquanto Nantes e Nantes Express tiveram 75% de distribuição ao acaso. Brazlândia apresentou 75% e 50% ao acaso para teste de run e doublet respectivamente. Conclui-se que o padrão espacial da queima das folhas na linha de plantio em diferentes genótipos de cenoura é ao acaso.

Palavras-chave: Daucus carota; lesões foliares; epidemiologia; fungos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leandro Luiz Marcuzzo, Instituto Federal Catarinense - IFC/Campus Rio do Sul

Professor e pesquisador em fitopatologia

Downloads

Publicado

2020-09-30

Como Citar

Marcuzzo, L. L., & Teixeira, V. R. (2020). Análise espacial da queima das folhas (Alternaria dauci) em genótipos de cenoura. Revista Thema, 17(3), 726-730. https://doi.org/10.15536/thema.V17.2020.726-730.1329

Edição

Seção

Ciências Agrárias