A receptividade de estudantes do Ensino Fundamental frente a sequências de Atividades Didáticas computacionais para o ensino de Geometria e Desenho Geométrico

Autores

  • Vaneza De Carli Tibulo UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA
  • Ricardo Andreas Sauerwein UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.14.2017.65-81.537

Palavras-chave:

Atividades Didáticas computacionais, Geometria, Desenho Geométrico, Geogebra.

Resumo

O presente artigo tem como objetivo investigar e avaliar a receptividade de duas sequências de Atividades Didáticas (AD) baseadas em Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), para o ensino de conceitos geométricos e desenvolvimento de competências. A investigação ocorreu durante a implementação das AD ao longo do ano de 2015 com 186 estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental de uma instituição pública federal de ensino básico no Rio Grande do Sul. A análise dos questionários respondidos durante e ao final das sequências indicam que as AD podem ser incorporadas de maneira permanente na prática escolar constituindo assim uma possível alternativa para situações em que se deseja incorporar aplicativos de geometria dinâmica como o Geogebra nos anos finais do Ensino Fundamental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vaneza De Carli Tibulo, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

Doutoranda do programa de pós-graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde.

Ricardo Andreas Sauerwein, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

Professor do programa de pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde

Downloads

Publicado

2017-12-06

Como Citar

Tibulo, V. D. C., & Sauerwein, R. A. (2017). A receptividade de estudantes do Ensino Fundamental frente a sequências de Atividades Didáticas computacionais para o ensino de Geometria e Desenho Geométrico. Revista Thema, 14(4), 65-81. https://doi.org/10.15536/thema.14.2017.65-81.537

Edição

Seção

Ciências Exatas e da Terra

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)