Desenvolvimento do capim-sudão por meio de simulação numérica para a região de Pelotas/RS

Autores

  • Michele Pereira Malcorra Universidade Federal de Pelotas – UFPel, Pelotas/RS – Brasil
  • Gustavo Trentin Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Centro Nacional de Pesquisa Pecuária Sul, Pelotas/RS - Brasil
  • Daiane Roschildt Sperling Universidade Federal de Pelotas - UFPel, Pelotas/RS - Brasil
  • Edgar Ricardo Schöffel Universidade Federal de Pelotas - UFPel, Pelotas/RS - Brasil
  • Roberto Trentin Universidade Federal de Pelotas - UFPel, Pelotas/RS - Brasil

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V23.2024.190-204.3463

Palavras-chave:

Sorghum sudanense, modelos de desenvolvimento, soma térmica, probabilidade

Resumo

Os objetivos deste estudo foram estimar a duração dos subperíodos, ciclo total e número de cortes do capim-sudão e determinar as funções de distribuição de probabilidade (Fdp) que melhor caracterizam a distribuição dos dados para as condições de Pelotas/RS, por meio do desenvolvimento simulado em diferentes épocas de semeadura. O estudo foi realizado com base em resultados publicados na literatura e dados meteorológicos do período de 1971 a 2022, obtidos na Estação Agroclimatológica de Pelotas. A simulação de desenvolvimento foi realizada para seis épocas de semeadura por meio do método de soma térmica utilizando os dados de temperatura média diária do ar. Executou-se o ajuste dos dados às Fdp exponencial, gama, lognormal, normal e weibull. A duração do ciclo total variou de 81 a 234 dias, resultando em dois a sete cortes, para as datas de semeadura correspondente ao início e final da época de semeadura recomendada. A duração do ciclo e dos subperíodos são maiores na semeadura de setembro e decresce até à época de semeadura de fevereiro. A distribuição lognormal apresentou maior frequência de ajuste aos dados de duração dos subperíodos de desenvolvimento do capim-sudão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Michele Pereira Malcorra, Universidade Federal de Pelotas – UFPel, Pelotas/RS – Brasil

Engenheira Agrônoma graduada pela Universidade da Região da Campanha - URCAMP (2018). Ao longo da graduação realizou estágio na Embrapa Pecuária Sul na área de Agrometeorologia no período de 2015 a 2018. Mestra em Agronomia pelo Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar (PPG SPAF), Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Atualmente é estudante de doutorado no PPG SPAF/UFPel e bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Possui experiência na área de ciências agrárias, com ênfase em agrometeorologia.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/1085955997096667

Gustavo Trentin, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Centro Nacional de Pesquisa Pecuária Sul, Pelotas/RS - Brasil

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria (2003), mestrado em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria (2006) e doutorado em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria (2009).Atualmente atua na Embrapa Pecuária Sul com sede na cidade de Bagé-RS, onde realiza pesquisas na área de Agrometeorologia em sistemas pastoris. Atua como colaborador nos cursos de Mestrado e Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Agronomia, Ciência do Solo e Engenharia Agrícola da Universidade Federal de Santa Maria. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Agrometeorologia, atuando principalmente nos seguintes temas: relação solo-água-planta, cultivos em ambiente modificado, probabilidades climáticas, estresses ambientais e balanço hídrico em sistemas agropastoris.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0472912842359976

Daiane Roschildt Sperling, Universidade Federal de Pelotas - UFPel, Pelotas/RS - Brasil

Engenheira Agrônoma graduada pela Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel (FAEM), Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Ao longo da graduação exerceu atividades de ensino, pesquisa e extensão junto ao Núcleo de Pesquisa e Extensão em Agroecologia e Políticas Públicas para Agricultura Familiar (NUPEAR/UFPel). O estágio de conclusão de curso foi realizado junto a Emater/Ascar de Turuçu/RS atuando nas atividades de assistência técnica e extensão rural. Mestre em Agronomia pelo Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar (PPG SPAF), pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Atualmente é estudante de doutorado no Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar (PPG SPAF), UFPel, atuando na linha de pesquisa Agricultura e Ambiente.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/5757906187759198

Edgar Ricardo Schöffel, Universidade Federal de Pelotas - UFPel, Pelotas/RS - Brasil

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal de Pelotas (1992), mestrado em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Santa Maria (1997), doutorado (2001) e pós-doutorado (2003) em Agronomia (Produção Vegetal) [Jaboticabal] pela Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho. Atuou como Professor Adjunto da Universidade Federal do Jequitinhonha e Mucuri (2003-2004) e atualmente é Professor Titular da Universidade Federal de Pelotas, Coordenador da Estação Agroclimatológica de Pelotas, professor permanente do Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar. Tem experiência na área de Fitotecnia, com ênfase em Agrometeorologia, atuando principalmente nos seguintes temas: temperatura do ar, graus-dia, radiação solar, balanço de radiação, fotoperiodismo, quebra-vento, fenologia, qualidade da produção, produção agrícola, adversidades climáticas.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7727859837108095

Roberto Trentin, Universidade Federal de Pelotas - UFPel, Pelotas/RS - Brasil

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria (2007) e Mestrado em Agronomia (Meteorologia Agrícola) pela Universidade Federal de Viçosa (2010) e Doutorado em Engenharia Agrícola pela Universidade Federal de Santa Maria (2013). Atualmente é Professor Adjunto na Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel da Universidade Federal de Pelotas. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Agrometeorologia, atuando principalmente nos seguintes temas: biometeorologia, estresse hídrico, ambiente protegido e evapotranspiração.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/5712333917329135 

Downloads

Publicado

2024-04-02

Como Citar

MALCORRA, M. P.; TRENTIN, G.; SPERLING, D. R.; SCHÖFFEL, E. R.; TRENTIN, R. Desenvolvimento do capim-sudão por meio de simulação numérica para a região de Pelotas/RS. Revista Thema, Pelotas, v. 23, n. 1, p. 190–204, 2024. DOI: 10.15536/thema.V23.2024.190-204.3463. Disponível em: https://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/thema/article/view/3463. Acesso em: 20 abr. 2024.

Edição

Seção

Ciências Agrárias

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)