Construindo castelos & pontes: o estágio docência na disciplina escolar de História

Autores

  • Felipe Nobrega Ferreira Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Palavras-chave:

Estágio supervisionado, currículo, fontes históricas

Resumo

Chegar na última etapa da graduação em história-licenciatura é alcançar o momento fundamental do estágio supervisionado. É nesse momento que toda a bagagem constituída através das disciplinas teóricas deve se concretizar no plano prático e objetivo da realidade escolar. Assim, o presente trabalho visa colaborar no entendimento desse momento como um ato de aliar as questões teóricas às práticas e procedimentos docentes, de testar possibilidades, de realizar um trabalho diferenciado dentro do processo do estágio-docência. Aliando uma base teórica que encontra na práxis um norte, evidenciamos o relato de um trabalho efetuado dentro do estágio-supervisionado que levou em consideração fontes e abordagens diversas junto ao ensino fundamental. Por fim, têm-se algumas considerações que possuem a intenção de forma profícua dentro desse debate emergente dentro das licenciaturas brasileiras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Felipe Nobrega Ferreira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Trabalhando com modernidade no Rio Grande do Sul a partir da primeira estação de banhos do sul do país - Cassino. E atuando junto a projetos de educação patrimonial na cidade de Rio Grande e Porto Alegre

Downloads

Publicado

2010-10-30

Como Citar

Ferreira, F. N. (2010). Construindo castelos & pontes: o estágio docência na disciplina escolar de História. Revista Thema, 7(2). Recuperado de https://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/thema/article/view/30

Edição

Seção

Ciências Humanas