A percepção de docentes a respeito de Atividades não Presenciais realizadas durante o isolamento social causado pela pandemia da COVID-19

Autores

  • Iury de Almeida Accordi Instituto Federal de Santa Catarina http://orcid.org/0000-0002-3458-998X
  • Andréia Ambrósio-Accordi Instituto Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V21.2022.465-486.2541

Resumo

Objetivou-se analisar a percepção de docentes sobre as atividades não presenciais (ANP), realizadas durante o distanciamento social causado pela pandemia da COVID-19, no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), que optou por ANP e o Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS), que suspendeu suas atividades formais durante o período inicial da pandemia. Aplicou-se um formulário on-line e foram analisadas as respostas de 283 docentes. Apesar das decisões institucionais distintas, não se notou respostas muito diferentes dos docentes de ambas as instituições em relação à maioria das questões. A maioria dos docentes manifestou ser favorável às ANPs e buscou se capacitar para melhor enfrentar a nova situação. Os docentes buscaram formas sólidas de se capacitarem didática e pedagogicamente para a aplicação de um ensino não presencial, bem como de se comunicarem de forma efetiva com seus discentes. Conclui-se que o aprendizado com as ANPs fornecerá uma base sólida para um novo tipo de interação docente/discente, potencializando o uso de tecnologias emergentes na aplicação de atividades e estendendo a comunicação por meio das mídias a aplicativos sociais disponíveis.

Palavras-chave: Tecnologias emergentes; ensino remoto; Institutos Federais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andréia Ambrósio-Accordi, Instituto Federal do Rio Grande do Sul

Técnica em Assuntos Educacionais do Instituto Federal do Rio Grande do Sul

Licenciada em Educação Física (ULBRA).

Especialista em Interdisciplinaridade e Práticas Pedagógicas na Educação Básica (IFSC).

Especialista em Pesquisa e Prática Pedagógica (IFSC).

Mestranda em Informática na Educação (IFRS).

Downloads

Publicado

2022-06-07

Como Citar

Accordi, I. de A., & Andréia. (2022). A percepção de docentes a respeito de Atividades não Presenciais realizadas durante o isolamento social causado pela pandemia da COVID-19. Revista Thema, 21(2), 465–486. https://doi.org/10.15536/thema.V21.2022.465-486.2541

Edição

Seção

Ciências Humanas