Um olhar para a realidade dos professores da Educação de Jovens e Adultos

inquietações, lutas e avanços

Autores

  • Michelle Gonçalves Vieira Firjan SENAI – Barra Mansa/RJ – Brasil
  • Thiago Rodrigues de Sá Alves Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Instituto de Aplicação Fernando Rodrigues da Silveira (Cap-UERJ), Rio de Janeiro/RJ – Brasil
  • Valéria da Silva Lima Prefeitura Municipal de Barra Mansa, Barra Mansa/RJ – Brasil
  • Luiz Felipe Santoro Dantas Instituto Federal do Rio de Janeiro – IFRJ, campus Rio de Janeiro/RJ – Brasil

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V23.2024.173-189.2335

Palavras-chave:

EJA, desafios, livros didáticos, educação básica

Resumo

A Educação de Jovens e Adultos (EJA) é uma modalidade de ensino que tem o propósito de levar cidadania aqueles que não tiveram acesso à educação na idade correta. Esse trabalho investigou as dificuldades de alguns professores que atuam/atuaram na EJA, assim como as estratégias metodológicas que eles utilizam/utilizaram com seus alunos e os materiais didáticos que são/foram mais utilizados por eles em sala de aula. Realizou-se uma pesquisa de levantamento, do tipo exploratória, por meio de um questionário eletrônico no Google Forms, com participação de 23 professores no segundo semestre de 2020. A análise dos dados foi feita por meio da Análise de Livre Interpretação proposta por Anjos, Rôças e Pereira (2019) que é uma proposta metodológica amparada na análise dos dados das pesquisas com abordagem qualitativa. Os resultados mostraram que é perceptível o impacto da ausência de um material didático direcionador, o qual existe, mas não é totalmente disponibilizado ao público da EJA estudado. Percebemos que a realidade de muitos professores ainda está longe da necessária para exercer sua função de mediar a transformação pela educação na EJA.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Michelle Gonçalves Vieira, Firjan SENAI – Barra Mansa/RJ – Brasil

Possui graduação em Administração pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro(2006), graduação em Pedagogia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro(2020), especialização em Atendimento Educacional Especializado pela Faculdade Campos Elíseos(2020), especialização em Psicopedagogia Institucional pela Faculdade Campos Elíseos(2019), especialização em Gestão Escolar pela Faculdade Campos Elíseos(2019) e aperfeicoamento em Atualização Tecnológica em Logística pelo Federação das Indústrias do Estado da Bahia(2015). Atualmente é Instrutor em curso profissionalizante da Firjan SENAI Barra Mansa. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Logística.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/4595483134053790

Thiago Rodrigues de Sá Alves, Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Instituto de Aplicação Fernando Rodrigues da Silveira (Cap-UERJ), Rio de Janeiro/RJ – Brasil

Doutor em Ensino de Ciências pelo Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ensino de Ciências (PROPEC-IFRJ) e Licenciado em Química pelo Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ). Mestre em Ensino de Ciências da Natureza e especialista em Planejamento, Implementação e Gestão da EaD pela Universidade Federal Fluminense (UFF). É especialista em Práticas Assertivas em Didática da Educação Profissional Integrada à EJA pelo Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) e especialista em Ensino de Ciências e Biologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Possui graduação em Licenciatura em Pedagogia (Centro Universitário ETEP). É membro pesquisador no Grupo de Pesquisa: Ciência, (Arte), Tecnologia e Sociedade - C(A)TS do IFRJ e integrante do projeto Meme com Ciência cujo intuito é o estudo e a condução de pesquisas sobre o uso dos memes como recurso pedagógico nas Ciências. Foi docente do Departamento de Química Geral e Inorgânica (DQGI) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), atuando no curso de Licenciatura em Química. No Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ) foi docente de química nos campis Duque de Caxias e Maracanã, atuando em turmas do Curso Técnico Integrado ao Ensino Médio, Curso Técnico Concomitante/Subsequente, EJA e graduação. Na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) atua como tutor presencial no curso de Licenciatura em Química oferecido pelo Consórcio Cederj - Polo Nova Iguaçu com disciplinas teóricas e práticas. É orientador e membro da banca avaliadora de Trabalhos de Conclusão de Curso da Licenciatura em Pedagogia/Cederj-UNIRIO. Durante a graduação participou do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID e do Programa Institucional Voluntário de Iniciação Científica e Tecnológica (PIVICT), com os projetos: Pesquisando Metodologias no Ensino de Química e Utilização de resíduos de origem orgânica e mineral no processo de adsorção de íons metálicos em soluções aquosas. Na área de Ensino de Química e Ensino de Ciências os principais interesses são pelos seguintes temas: Educação de Jovens e Adultos; Divulgação Científica; Recursos Educacionais e Midiáticos; Memes; Formação de Professores, Propostas Didáticas e Educação Ambiental Crítica.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7918358539199962

Valéria da Silva Lima, Prefeitura Municipal de Barra Mansa, Barra Mansa/RJ – Brasil

Doutoranda(2019) e Mestre em Ensino de Ciências pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro(2016), Especialista em Deficiência Auditiva/Surdez pela Unirio(2015), Especialista em Contação de Histórias no Imaginário Social pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro(2014) e Pedagoga pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2010). Atualmente, atua como professora e Orientadora Pedagógica da Prefeitura Municipal de Barra Mansa, contadora de histórias e mediadora presencial do consórcio Cederj (UNIRIO). Tem experiência na área de formação de professores para a Educação Básica e Mediação Docente no Ensino Superior na modalidade EAD.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2294019809170587 

Luiz Felipe Santoro Dantas, Instituto Federal do Rio de Janeiro – IFRJ, campus Rio de Janeiro/RJ – Brasil

Doutor no programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ensino de Ciências do Instituto Federal do Rio de Janeiro (PROPEC - IFRJ). Mestre em Ensino de Ciências da Natureza pela Universidade Federal Fluminense (PPECN - UFF), possui Pós-graduação em Gestão Escolar Integradora (Administração, Inspeção, Orientação, Coordenação e Supervisão) na instituição de ensino Faculdade Batista de Minas Gerais, Graduação em Química Licenciatura pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e Graduação em Licenciatura em Pedagogia (Centro Educacional ETEP). Professor de Química da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), no Departamento de Química Geral e Inorgânica - DQGI; Professor de Química no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro - IFRJ; Tutor Coordenador e mediador presencial no curso de Licenciatura em Química (UFRJ), oferecido pelo Consórcio CEDERJ - Polo Nova Iguaçu. Membro pesquisador no Grupo de Pesquisa: Ciência, (Arte), Tecnologia e Sociedade - C(A)TS do IFRJ, e parecerista da Revista Ciências e Ideias - IFRJ. No doutorado desenvolveu o produto educacional Ciência em Pingos, podcast de divulgação científica para o Ensino de Ciências. Durante os anos de 2019 e 2020 foi bolsista CNPQ (Desenvolvimento Tecnológico e Industrial nível B e C) na participação do projeto -CER+BRASIL- como divulgador e tradutor científico. Durante o mestrado, foi finalista do no Concurso -Rio Apps Cidade Olímpica- (2016) na categoria Educação com o aplicativo desenvolvido no mestrado de divulgação científica -Cata Ciência- e conquistou o segundo lugar do concurso -Rio Ideias 450 Anos- (2015) na categoria Educação realizado pela Secretaria de Ciência e Tecnologia da Prefeitura do Rio de Janeiro como o mesmo aplicativo. Na graduação, participou como bolsista de extensão e bolsista FAPERJ, de diversos projetos pela Casa da Descoberta, centro de divulgação científica da UFF. Atuou também como coordenador e professor do Pré-Universitário Reação, localizado no Instituto de Química da UFF. Possui experiência em Tecnologia Educacionais, Educação a Distância, Projetos educacionais e Divulgação Científica, além de experiência em docência, como professor de Química para Ensino Superior, Médio e Fundamental.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7057600935022947

Downloads

Publicado

2024-03-21

Como Citar

VIEIRA, M. G.; ALVES, T. R. de S.; LIMA, V. da S. .; DANTAS, L. F. S. Um olhar para a realidade dos professores da Educação de Jovens e Adultos: inquietações, lutas e avanços. Revista Thema, Pelotas, v. 23, n. 1, p. 173–189, 2024. DOI: 10.15536/thema.V23.2024.173-189.2335. Disponível em: https://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/thema/article/view/2335. Acesso em: 24 maio. 2024.

Edição

Seção

Ciências Humanas