Olimpíadas do Colégio de Aplicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

marcas de uma competição esportiva no âmbito escolar

Autores

  • Marinês Matter de Souza Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Tuany Defaveri Begossi Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Carlos Adelar Abaide Balbinotti Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Janice Zarpellon Mazo Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V19.2021.295-307.1542

Palavras-chave:

Competição Escolar. Jogos Escolares. Olimpíada do Colégio de Aplicação.

Resumo

Este estudo busca verificar qual o modelo de competição adotado pela Olimpíada do Colégio de Aplicação (OCA), da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Para efetivação do estudo foram analisados documentos e realizadas entrevistas com cinco professores(as) de Educação Física do Colégio de Aplicação da UFRGS. Os materiais de pesquisa foram categorizados e cotejados com informações obtidas por meio de levantamento bibliográfico. Constatamos que a OCA apresenta características do modelo adulto de competição, especialmente nas competições que envolvem os alunos do oitavo e nono anos e do ensino médio. Para os alunos do sexto e sétimo anos, embora as competições sejam adaptadas, também, se observou resquícios de um modelo adulto.

Palavras-chave: Competição escolar; jogos escolares; Olimpíada do Colégio de Aplicação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marinês Matter de Souza, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Professora da Rede Municipal de Canoas RS, desde 2017. Professora substituta - Colégio de Aplicação/UFRGS no período de 2013 a 2015. Mestre em Ciência do Movimento Humano pelo programa de Pós-Graduação em Ciência do Movimento Humano - PPGCMH, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2018). Possui graduação em Educação Física pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2012). Especialização em Gênero e Diversidade na Escola UFSC/2017.

Tuany Defaveri Begossi, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano (PPGCMH), na linha de pesquisa Representações Sociais do Movimento Humano, da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID), da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Mestra em Ciências do Movimento Humano pelo PPGCMH/ESEFID/UFRGS (2017). Bacharela em Educação Física pela ESEFID/UFRGS (2015). Licenciada em Educação Física pela ESEFID/UFRGS (2013). Membro do Núcleo de Estudos em História do Esporte e da Educação Física (NEHME/UFRGS). Integrante do Observatório do Esporte Paralímpico (ESEFID/UFRGS). Integrante do Centro de Memória do Esporte (CEME/ESEFID/UFRGS). Associada ao Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte (CBCE). Atua, principalmente, com os seguintes temas: Estudos históricos e socioculturais do Esporte, da Educação Física e do Lazer, Esporte Paralímpico e Adaptado, Educação Física Escolar, Campo profissional e Formação de professores(as) de Educação Física.

Carlos Adelar Abaide Balbinotti, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Professor de Educação Física licenciado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1984), mestrado em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1994) e doutorado em Ciências do Desporto pela Universidade do Porto (2003). Atualmente é professor Associado da ESEF/UFRGS. Tem experiência na área da Educação Física, com ênfase em Pedagogia do Treino Desportivo.

Janice Zarpellon Mazo, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Professora associada da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Doutorado em Ciências do Desporto pela Universidade do Porto (UP). Mestrado em Ciência do Movimento Humano pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Especialização em Técnica Desportiva Voleibol e Especialização em Pesquisa Curricular. Licenciatura em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Maria. Tem experiência na área da Educação Física e atua, principalmente, com os seguintes temas: História do Esporte; História da Educação Física; Estudos Socioculturais sobre o esporte para pessoas com deficiência, esportes paraolímpico e esportes para surdos

Downloads

Publicado

2021-07-21

Como Citar

de Souza, M. M., Begossi, T. D., Balbinotti, C. A. A., & Mazo, J. Z. (2021). Olimpíadas do Colégio de Aplicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul: marcas de uma competição esportiva no âmbito escolar. Revista Thema, 19(2), 295-307. https://doi.org/10.15536/thema.V19.2021.295-307.1542

Edição

Seção

Ciências da Saúde

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)