Controle populacional do ácaro-rajado (Tetranychus urticae) coletado em lúpulo

Autores

  • Jocieli Mileski Bueno Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC, Campus Canoinhas/SC - Brasil
  • Rabechlt Karoleyne Stange Almeida Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC, Campus Canoinhas/SC - Brasil
  • Stella Arndt Universidade Federal do Espírito Santo - UFES, Campus Alegre/ES - Brasil
  • João Paulo Pereira Paes Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC, Campus Canoinhas/SC - Brasil
  • Cícero Venâncio Nunes Júnior Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC, Campus Canoinhas/SC - Brasil

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V23.2024.450-462.3586

Palavras-chave:

Salvia rosmarinus, Humulus lupulus, ácaro-praga, óleo essencial

Resumo

O ácaro-rajado é uma praga polífaga que ataca diversas culturas, entre elas o lúpulo, cultura para a qual no Brasil ainda não existem defensivos registrados. Como uma alternativa para o manejo dessa praga, destaca-se o emprego de óleos essenciais. Diante disso, os objetivos deste trabalho foram identificar a composição química e avaliar os efeitos do óleo essencial de alecrim na mortalidade de ácaro-rajado em lúpulo. Fêmeas adultas do ácaro-rajado foram submetidas a câmaras de fumigação contendo o óleo essencial de alecrim nas concentrações de 5, 10, 15 e 20 μL/L, durante 24, 48 e 72h. Na análise contabilizou-se a mortalidade e a fecundidade das fêmeas de ácaro. Os principais compostos identificados através da caracterização do óleo essencial de alecrim foram a cânfora, 1,8-cineol, α-pineno e β-mirceno. Por meio do teste de fumigação foi verificado que o óleo essencial de alecrim apresentou ação acaricida, sendo que as maiores taxas de mortalidade foram encontradas nas concentrações de 15 e 20 μL/L. Quanto maior a concentração do óleo na câmara, menor era o número médio de ovos nas folhas, devido à mortalidade das fêmeas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jocieli Mileski Bueno, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC, Campus Canoinhas/SC - Brasil

Cursa bacharelado em Agronomia no Instituto Federal de Santa Catarina, campus Canoinhas. Possui ensino médio pela Escola de Educação Básica Colombo Machado Salles (2018).

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2892407779478202

Rabechlt Karoleyne Stange Almeida, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC, Campus Canoinhas/SC - Brasil

Estudante de Agronomia Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC. Atua como bolsista voluntária no grupo de Fruticultura do Campus Canoinhas - SC. Estagiária na empresa EngeNorte topografia e engenharia citada no município de Canoinhas. Formada em técnico em Agroecologia no Colégio estadual Duque de Caxias - ensino fundamental, médio e profissionalizante (2015).

Lattes: http://lattes.cnpq.br/6537103615938254

Stella Arndt, Universidade Federal do Espírito Santo - UFES, Campus Alegre/ES - Brasil

Mestranda em agronomia pela Universidade Federal Do Espírito Santo - campus Alegre. Graduada em Agronomia pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo - campus Santa Teresa e Técnica em Agropecuária pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo - campus Santa Teresa.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2146696228723569

João Paulo Pereira Paes, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC, Campus Canoinhas/SC - Brasil

Bacharel em Agronomia, pela Universidade Federal do Espirito Santo (2012). Mestre em Produção Vegetal pela Universidade Federal do Espirito Santo (2015). Doutor em Agronomia: Proteção de Plantas pela Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (2018). Atualmente é professor efetivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC)-Campus Canoinhas. Experiência na área de Entomologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Fitoquímicos, Controle Biológico de pragas, Biologia de insetos e Manejo Integrado de Pragas.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7553990697902687

Cícero Venâncio Nunes Júnior, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina - IFSC, Campus Canoinhas/SC - Brasil

Possui graduação em Química Bacharel (2009) e Licenciatura (2012) pela Universidade Estadual do Centro-Oeste, mestrado em Química Aplicada (2013) e doutorado em Química Inorgânica pela mesma Instituição (2017). Atua como Professor no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) - Campus Canoinhas.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/9624173972581680

Downloads

Publicado

2024-07-01

Como Citar

BUENO, J. M.; ALMEIDA, R. K. S.; ARNDT, S.; PAES, J. P. P.; NUNES JÚNIOR, C. V. Controle populacional do ácaro-rajado (Tetranychus urticae) coletado em lúpulo. Revista Thema, Pelotas, v. 23, n. 2, p. 450–462, 2024. DOI: 10.15536/thema.V23.2024.450-462.3586. Disponível em: https://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/thema/article/view/3586. Acesso em: 12 jul. 2024.

Edição

Seção

Ciências Agrárias