Avaliação do processo de biocorrosão de ligas metálicas em diferentes corpos hídricos

Autores

  • Claudio Rafael Kuhn IF Sul-Rio-Grandense - Câmpus Pelotas
  • Helena Bettin Foster IF Sul-Rio-Grandense - Câmpus Pelotas
  • Caroline Oswald
  • Ricardo Peraça Toralles
  • Bernardo dos Santos Vaz

DOI:

https://doi.org/10.15536/thema.V17.2020.782-790.1600

Palavras-chave:

Corrosão microbiologicamente induzida, Biofilme, Biocorrosão, Bactérias Produtoras de Ácidos, Aço-Carbono.

Resumo

Biocorrosão é uma palavra utilizada para expressar a participação de diferentes tipos de micro-organismos nos fenômenos de corrosão, podendo ocorrer em aerobiose e/ou anaerobiose. Vários micro-organismos produzem metabólitos que influenciam no processo de corrosão, interferindo em diversas atividades industriais, suas instalações e equipamentos. O presente trabalho teve como objetivo analisar a contaminação de ligas de aço carbono por micro-organismos responsáveis pela biocorrosão expostos à água potável estéril e água da Laguna dos Patos na cidade de Pelotas, RS. As amostras (cupons ou corpos de prova) foram submersas nas amostras de águas em biorreatores estáticos durante 42 dias. Foram pesquisados micro-organismos como bactérias produtoras de ácidos e bactérias heterotróficas totais, sendo estas incubadas tanto em meios aeróbios quanto em meios anaeróbios, além da contagem de fungos. Constatou-se que o tempo de exposição dos corpos de prova foi a variável de maior importância (p<0,05) no crescimento microbiano, independente do metabolismo (aeróbio ou anaeróbio) ou grupo de micro-organismo.

Palavras-chave: Corrosão microbiologicamente induzida; biofilme; biocorrosão; bactérias produtoras de ácidos; aço-carbono.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-09-30

Como Citar

Kuhn, C. R., Foster, H. B., Oswald, C., Toralles, R. P., & Vaz, B. dos S. (2020). Avaliação do processo de biocorrosão de ligas metálicas em diferentes corpos hídricos. Revista Thema, 17(3), 782-790. https://doi.org/10.15536/thema.V17.2020.782-790.1600

Edição

Seção

Ciências Biológicas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)