A Sociedade de Consumo e os Adolescentes: uma visão sobre as relações escolares frente à sociedade de consumo

Tatiana Vanesca Wasum

Resumo


A ideia de que os efeitos dos valores reproduzidos na sociedade de consumo tais como o individualismo, a competição por status, a imitação e o exibicionismo, podem refletir nas relações escolares. Propor reflexões sobre a cultura de consumo e a sociedade de consumo, relacionando-as com realidades vivenciadas na escola, como a violência entre colegas e as suas causas, torna-se significativo nos dias atuais. O presente artigo busca investigar se os adolescentes de baixa renda são afetados pelas imposições da sociedade de consumo ou como os valores impostos pela indústria cultural atingem as relações dos alunos de uma escola pública. Este trabalho apresenta o resultado de encontros de grupo focal realizados com alunos das oitavas séries de uma escola pública em São Jerônimo-RS. A partir de algumas imagens, procurei questionar os adolescentes se o consumo de produtos e serviços “da moda” seria capaz de deixá-los mais felizes. Muitos dos alunos ouvidos nos grupos focais demonstraram, em suas falas, sentimentos de rejeição, diferença ou exclusão em relação aos adolescentes que demonstram mais condições econômicas pela capacidade de consumo destes. As relações escolares parecem ser afetadas pelos valores como o individualismo, a competição por status, a imitação e o exibicionismo.

Palavras-chave


Sociedade de consumo, cultura de consumo, indústria cultural, jovens de baixa renda, relações escolares.

Texto completo:

PDF


Revista Thema

__________________________

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense (IFSul).
Pelotas/RS - Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref          

  Logotipo do Latindex