Análises benchmark de jogos de tabuleiro com enfoque narrativo a partir da tétrade elementar de Jesse Schell

Autores

  • Marcelle de Lemos Uliano Universidade Federal de Pelotas
  • Mônica Lima de Faria Universidade Federal de Pelotas

DOI:

https://doi.org/10.15536/2594-4398.2020.v4.n4.pp.092-114.1421

Resumo

A partir de um estudo histórico sobre os campos de jogos e narrativa, constatou-se que este diálogo é frequentemente relacionado à ascensão contemporânea dos jogos digitais, ofuscando o importante papel dos jogos de tabuleiro neste cruzamento. Tal reflexão originou o trabalho de conclusão de curso da autora, "Industrial Cases: Design da pré-produção de um jogo de tabuleiro com enfoque narrativo" (2018), no qual buscou-se averiguar a capacidade de jogos de tabuleiro de agirem como meios proporcionadores de experiências narrativas através da concepção de um jogo de tabuleiro com enfoque narrativo. Para dar início ao processo de game design, uma coleta de referências foi realizada através da análise de títulos já existentes, utilizando a tétrade elementar de Schell (2011) e análises benchmark.

Referências

CARDIA, Wagner; GRINGS, Zaniel. Benchmarking – Mais do que um conceito da moda. Atualizado em: 19 ago. 2015. Disponível em: <http://home.furb.br/wilhelm/COMPETIV/>. Acesso em: 22 abr. 2019.

JENKINS, Henry. Game design as narrative architecture. 2004. Disponível em: <http://electronicbookreview.com/essay/game--design-as-narrative-architecture/> Acesso em: 22 abr. 2019.

SCHELL, Jesse. A arte do game design: o livro original. Tradução de: Edson Furmankiewicz. São Paulo: Elsevier, 2011.

ULIANO, Marcelle. Industrial Cases: Design da pré-produção de um jogo de tabuleiro com enfoque narrativo. 2018. 55 f. Monografia (Bacharelado em Design Gráfico) - Centro de Artes, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2018.

Publicado

2020-12-17

Como Citar

ULIANO, M. de L.; DE FARIA, M. L. Análises benchmark de jogos de tabuleiro com enfoque narrativo a partir da tétrade elementar de Jesse Schell. Revista Poliedro, Pelotas, Brasil, v. 4, n. 4, p. 092-114, 2020. DOI: 10.15536/2594-4398.2020.v4.n4.pp.092-114.1421. Disponível em: http://periodicos.ifsul.edu.br/index.php/poliedro/article/view/1421. Acesso em: 22 jan. 2021.

Edição

Seção

Iniciação Científica