Geometrias Não-Euclidianas: uma investigação na Escola Básica no Brasil com Geogebra

José Carlos Pinto Leivas, Helenara Machado de Souza, Hiago Portella de Portella

Resumo


O artigo apresenta um recorte de uma pesquisa orientada pelo primeiro autor, envolvendo dois professores da rede pública de ensino no Brasil, sendo que o segundo autor trabalhou com três estudantes do Ensino Fundamental na aquisição de conhecimentos básicos sobre Geometria Hiperbólica, especificamente utilizando o GeoGebra na construção do modelo de Poincaré. A terceira autora investigou, juntamente com três estudantes do Ensino Médio, conhecimentos sobre Geometria Elíptica, mais designadamente aqui relatando a investigação na relação entre ângulo central e ângulo inscrito na circunferência. O objetivo do projeto foi investigar possibilidades didáticas de introduzir conteúdos dessas geometrias, com o uso de software, na escola básica brasileira. Os resultados da pesquisa mostraram ser possível desenvolver com os dois grupos de estudantes conteúdos que, na maioria das vezes, nem chegam a ser de conhecimento do professor de Matemática em formação.


Palavras-chave


Geometrias Não-Euclidianas; Investigação na escola básica; Plano de Poincaré; Ângulo central e inscrito

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15536/thema.14.2017.210-221.460

Revista Thema.

Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Sul-rio-grandense. Pelotas, RS, Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref            

Logotipo do Latindex