Metodologia da interpretação adaptada ao desenvolvimento de projeto de móveis planejados

Quetelim Andreoli Teixeira, Alexandre Vergínio Assunção

Resumo


O presente trabalho é resultado de uma pesquisa de cunho e metodologia bibliográfica. O tema central é a discussão a respeito da articulação simbólica, levando em conta o design emocional, a hermenêutica profunda e a imaginação ativa no processo de criação de projetos de móveis planejados modulares. Em um primeiro momento, fez-se um aparato sobre conceitos chaves do design e autores que validassem a fala sobre um assunto que aborda um universo de difícil mensuração. Posteriormente, passou-se a um estudo teórico sobre as conceituações de móveis planejados modulares e seus segmentos. Em seguida, adaptou-se ao processo de criação de móveis planejados modulares o método da hermenêutica profunda de Thompson com o auxílio da teoria de articulação simbólica de Beccari. Por fim, explanou-se o passo a passo obtido com os estudos feitos neste trabalho. Os resultados obtidos apontam para a extrema importância de se levar em conta os aspectos emocionais, tanto quanto os funcionais, durante o desenvolvimento do projeto de móveis planejados modulares, no entanto este trabalho não se propõe validar o método proposto em um caso específico.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15536/2594-4398.2018.v2.n2.pp.160-178.1186

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Quetelim Andreoli Teixeira, Alexandre Vergínio Assunção

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Redes sociais

Facebook: https://www.facebook.com/revistapoliedro/

Twitter: https://twitter.com/revistapoliedro/

 

 

Todos os artigos da Revista Poliedro são publicados com a licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Os autores mantém os direitos autorais sobre suas produções, devendo ser contatados diretamente se houver interesse em uso comercial dos trabalhos.

Licença Creative Commons